logoSintesp

SINDICATO DOS TÉCNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO NO ESTADO DE SÃO PAULO


Ética, competência, dignidade e compromisso com a categoria


Bem-vindo, segunda-feira, 26 de junho de 2017.

Logo Fenatest Logo Força Sindical
11/02/2016

SINTESP lança campanha contra AEDES


 

Vamos combater o mosquito da Dengue, Chikungunya e Zika. Este último, segundo as últimas noticias, além das doenças graves que causa, agora vem causado a morte

 

Todos contra o mosquito! Nosso Sindicato convoca os colegas técnicos de segurança do trabalho a combater todo e qualquer foco que possa se constituir em criadouro do mosquito, tanto nos ambientes de trabalho, quanto nas casas e lugares comuns como terremos, depósitos de sucatas, de lixos, entre outros.

 

Com o aumento assustador dos casos de dengue, chikungunya e zika vírus transmitidos pelo mosquito aedes aegypti, o SINTESP decidiu lançar campanha de PREVENÇÃO, promovendo a conscientização das pessoas, para uma grande cruzada contra os focos de proliferação do mosquito.

 

“Prevenção é, e será sempre a nossa principal ferramenta de trabalho, e, assim como na segurança e na saúde do trabalhador, vamos combater o mosquito”. Com essas palavras de ordem, Marquinhos, nosso presidente, lançou a campanha de prevenção contra o mosquito aedes.

 

O SINTESP está participando junto com outras entidades sindicais e a Força Sindical, de ações para a divulgação e a conscientização para o combate intensivo ao mosquito e práticas de prevenção.

 

 

Veja algumas dicas para a prevenção:

 

Evite água parada: acumulo de água em pneus, garrafas ou qualquer tipo de reservatório pode acarretar em um criadouro do mosquito.

 

Jogue lixo no lixo: Vedem os sacos de lixo e não os deixem expostos.

 

Cuidado com a caixa d´água: é importante que as caixas d´água estejam devidamente tampadas.

 

Reciclagem de pneus: pneus usados são um importante local de reprodução do mosquito. É importante que os pneus estejam em um local que não exista a possibilidade de acumulo de água. Fure-os. Além disso, é possível entregá-los em um posto de coleta na sua cidade.

 

Vasinho de planta: elimine o prato do vaso de planta ou utilize um que se encaixe perfeitamente no vaso para que não haja acumulo de água, ou ainda, deposite areia grossa no prato.

 

Brinquedos e outros materiais: devem ficar longe das chuvas e evitar que acumulem água.

 

Sobras de materiais de obras: cubram cuidadosamente os entulhas até que sejam utilizados ou eliminados definitivamente.

 

Voltar para Notícias